A Feira do Livro de Lisboa

The Lisbon Book Fair

Desde 1930 que os lisboetas, ou quem visite a cidade, têm, no mês de maio, a sua feira do livro anual. Este evento, que se prolonga por um par de semanas, ocupa, hoje em dia, os passeios laterais do Parque Eduardo VII, junto ao Marquês de Pombal, no centro da cidade.
Este certame atravessou já alguns períodos de maiores dificuldades, com crises políticas e económicas pelo meio, mas não deixou de se realizar. Como se poderá constatar, e apesar da corrente instabilidade política, no ano passado, a Feira do Livro de Lisboa conseguiu reunir um número recorde de pavilhões, demonstrando um crescimento do interesse e do poder de compra dos portugueses, tal como a manutenção do apego ao formato em papel, apesar do sucesso dos livros em formato eletrónico.

Foi mesmo este fenómeno dos livros eletrónicos que chegou a provocar a questão do quão pertinente seria manter um tal evento, quando parecia que os livros em papel tinham os seus dias contados. Mas os portugueses são um povo que gosta de ler e, apesar de ser muito prático poder ler um livro num computador portátil ou num “tablet”, a verdade é que não há nada que se compare à sensação de folhear as páginas de um livro em papel.

The Lisbon Book FairA Feira do Livro de Lisboa, que vai este ano para a sua 87.ª edição, proporciona o espaço ideal para a aquisição de livros novos e antigos, a preços acessíveis. Aí, é possível encontrar livros de todos os géneros, desde romances a livros técnicos, passando pelos clássicos e pelas novidades que podem hoje encontrar-se nas montras das livrarias. Alguns destes livros estão disponíveis na Feira a preços simbólicos, sendo esta uma ocasião perfeita para preencher as prateleiras de casa a um custo muito reduzido.
Neste espaço, o visitante terá também a oportunidade de contactar de perto com livreiros e autores, o que permite uma troca de ideias que beneficiará ambas as partes.

Se gosta de ler, marque na sua agenda uma visita ao Parque Eduardo VII e à Feira do Livro de Lisboa.